Este chá, além de delicioso, é digestivo e acelera o metabolismo, sendo ótimo para a queima de gordura.

Ele é, portanto, bastante indicado para quem quer perder peso e "afinar" a barriga.

Além disso, ajuda no controle do diabetes e do colesterol.

E também reduz inchaços e melhora o funcionamento do intestino.

São quatro ingredientes muito especiais.

A maçã é riquíssima em substâncias que combatem os radicais livres e retardam o envelhecimento.

A canela é ótimo preventivo contra o diabetes, pois estimula a produção de insulina.

A canela possui ainda a propriedade de dificultar a absorção de gordura.

O gengibre, um grande acelerador do metabolismo e excelente redutor do colesterol.

Por último, o manjericão, excelente para o coração e para melhorar a circulação.

O chá é muito fácil de fazer.

Aqui está a receita:

INGREDIENTES

1 litro de água

4 pauzinhos de canela

Cascas de 2 maçãs vermelhas muito bem escovadas e lavadas se não forem orgânicas

1 pedaço de 4 cm de gengibre

Algumas folhinhas de manjericão

MODO DE PREPARO

Junte os ingredientes, exceto o manjericão, e leve ao fogo.

Deixe ferver por cerca de cinco a dez minutos.

Acrescente as folhas de manjericão perto de desligar o fogo.

Tire a panela do fogão e coe.

Espere amornar e tome a primeira xícara, de preferência em jejum.

As outras xícaras consuma meia hora antes do almoço e meia hora antes do jantar.

Importante: o chá de sachês/saquinhos "maçã com canela" vendido em supermercados não tem o mesmo potencial deste, pois se trata de um produto industrializado e, portanto, desvitalizado.

Por precaução, hipertensos não devem consumir este chá.

Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

Imagens vistas recentemente

Entre em contato

Queremos receber sua opinião

Se você tem uma crítica, sugestão ou quer nos indicar uma receita/tratamento caseiro, entre em contato conosco

curapelanaturezablog@gmail.com

Continue conectado

Esclarecimento

Este blog tem a finalidade de ajudar, mas não substitui o trabalho de um especialista. Consulte sempre seu médico.