A oliveira é uma árvore cultivada desde tempos antigos e seus frutos são utilizados como alimento em todo o mundo.

O que boa parte das pessoas não sabe é que a folha da oliveira tem grandes propriedades curativas.
 
Tudo isso graças a um poderoso antioxidante: a oleuropeína.
 
Outra importante qualidade importante das folhas de oliveira é que podem ser usadas contra uma grande variedade de vírus, fungos e bactérias.
 
Esta qualidade também se deve à oleuropeína e a suas propriedades antiparasitárias, antibacterianas e antifúngicas.
 
Mas não para nisso.
 
Muitas pesquisas científicas têm comprovado o poder curativo da folha de oliveira, destacando-se a proteção do sistema cardiovascular e imunológico, o aumento da energia, o controle da pressão arterial, a prevenção do diabetes e do mal de Alzheimer.
 
O uso das folhas de oliveira, na verdade, é muito antigo.
 
No antigo Egito, elas eram utilizadas na mumificação de faraós e suas propriedades medicinais já eram conhecidas.
 
Também eram símbolo do poder divino.
 
 
A árvore oliveira - que nos dá as azeitonas que recheiam pratos como pizza e macarronada, além de se transformarem em um delicioso azeite - é  muito resistente e chega a viver por cerca de 2 mil anos.
 
É considerada uma árvore sagrada, tendo várias citações na Bíblia.
 
Devido à sua atividade antibacteriana, antifúngica e antiviral, o extrato da folha de oliveira é utilizado para tratar uma grande variedade de problemas, como candidíase, meningite, encefalite, gripe, herpes, hepatite B, pneumonia, malária, dengue, tuberculose, gonorreia, diarreia, infecções nas vias urinárias, nos ouvidos, nos dentes e até para reforçar o tratamento de aids.
 
O extrato de folha de oliveira tem se revelado excelente para proteger o coração e os vasos sanguíneos.
 
Quando tomado durante um longo período de tempo e com regularidade, ele se mostrou capaz de reverter a aterosclerose.
 
Todos esses benefícios da folha de oliveira têm despertado um crescente interesse da comunidade científica.
 
Estudo da University of Michigan Health System mostrou que a substância oleuropeína, presente nessa folha, elimina o açúcar do sangue.
 
Ou seja, a infusão de oliveira é excelente para tratar e prevenir o diabetes.
 
As folhas da oliveira possuem quatro vezes mais potássio, magnésio, manganês, fósforo, selênio, zinco e cobre que o chá verde.
 
Esses minerais são altamente antioxidantes e atuam contra o envelhecimento, além de estimularem o metabolismo para eliminar gorduras com mais rapidez.
 
O indicado é que você beba de 3 a 4 xícaras por dia, em um período de 3 a 4 meses.
 
Dessa forma, é possível perder até 6 quilos, aliando o chá com uma alimentação balanceada e saudável e também com a prática de exercícios físicos.
 
Para fazer o chá, basta ferver 1 litro de água.
 
Quando entrar em ebulição, adicione 2 colheres (sopa) de folhas de oliveira.
 
Tampe e espere 20 minutos.
 
Decorrido esse tempo, coe e tome a primeira xícara.
 
O chá de oliveira pode ser ingerido por qualquer pessoa, exceto grávidas e lactantes.
 
As folhas de oliveira são facilmente encontradas em lojas de produtos naturais ou em grandes mercados.
 
Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

 

Seção: 

Imagens vistas recentemente

Entre em contato

Queremos receber sua opinião

Se você tem uma crítica, sugestão ou quer nos indicar uma receita/tratamento caseiro, entre em contato conosco

curapelanaturezablog@gmail.com

Continue conectado

Esclarecimento

Este blog tem a finalidade de ajudar, mas não substitui o trabalho de um especialista. Consulte sempre seu médico.